Home | LaTeX | LaTeX: O que é
Home | LaTeX | LaTeX: O que é
PDF Imprimir E-mail
Escrito por Adriano Cattai   

 

O Tex foi criado no final dos anos 70 por Donald Knuth , na Stanford University. O neme do programa corresponde às primeiras letras da palavra "tecnologia" em grego.

Latex é um sistema tipográfico, bastante adequado para produzir documentos científicos e matemáticos de grande qualidade tipográfica. O sistema é igualmente adequado para produzir todo tipo de outros documentos, desde simples cartas até livros completos.

O Latex usa o Tex como sistema de formatação, elaborado em meados da década de 80 por Leslie Lamport , ou seja, o Latex foi desenvolvido por Leslie Lamport a partir do programa Tex criado por Donald Knuth.

Um documento em Latex é formado pelo texto propriamente dito,mais alguns comandos. Esses comandos definem tipo de letra, formatação do texto, símbolos especiais, etc. Todo comando em Latex inicia com  uma barra invertida ( \ ).

Ao contrário de programas famosos com o MS Word, o texto em Latex não é digitado na tela na forma como vai ser impresso. O texto é digitado com vários inseridos, como se fosse HTML ou um programa fonte de alguma linguagem de programação. Por exemplo, digitando

$$ \lim_{n \to \infty} \sum_{k=1}^n \frac{1}{k^2} = \frac{\pi^2}{6} $$

obtemos

 \lim_{n \to \infty} \sum_{k=1}^n \frac{1}{k^2} = \frac{\pi^2}{6}
Podemos dividir os programas de processamento de texto em duas classes. Com os chamados processadores de texto, existe um menu na tela apresentando os recursos, que podem ser usados no processamento do texto, que por sua vez podem ser selecionados com o uso do mouse. Depois de selecionado um recurso, o texto é digitado e aparece na tela exatamente como vai ser impresso no papel. O usuário pode ver logo no estágio de entrada do texto, se o texto será impresso como esperado. Este método é chamado "what-you-see-is-what-you-get'' ou simplesmente WYSWYG.

A segunda classe, que é a que pertence o Latex, o processamento do texto é feito em duas etapas distintas. O texto a ser impresso e os comandos de formatação são escritos em um arquivo fonte com o uso de um editor de textos, isto é, um programa que escreve textos em meio magnético. Em seguida o arquivo fonte é submetido a um programa formatador de textos, no nosso caso o Latex, que gera um arquivo de saída, que pode ser impresso ou visualizado na tela. Programas deste tipo podem parecer inicialmente mais complicados do que os do outro tipo, mas apresentam uma série de vantagens em relação aos processadores de texto, como por exemplo:

  • Mudanças na formatação do texto inteiro com apenas a mudança de alguns comandos;
  • Escrita de fórmulas complexas usando apenas comandos, como no exemplo acima do limite;
  • Numeração automática de fórmulas, seções, definições, exemplos e teoremas, o que permite que você faça mudanças na ordem do texto sem que seja necessário trocar os números dos itens.
  • As citações a fórmulas, seções, definições, exemplos, teoremas além de citações bibliográficas também podem ser automatizadas, de forma que mudanças no texto não produzem erros nas citações.

O Latex é um programa de domínio público, por isso existem várias implementações. Para iniciar a criar seus documentos com o Latex será preciso ter alguns programas:

  • Compilador, por exemplo, para usuários de Windows o MikTEX é excelente (http://www.miktex.de/) e para Mac OX o MacTex (http://www.tug.org/mactex/)
  • Editor de textos apropriado, por exemplo, o WinEdt (para Windows), disponível em http://www.winedt.com/ e TExPad (para Mac e iPad) disponível em http://texpadapp.com;
  • Visualizadores, os mais usado são:
    • Yap: para visualizar arquivos .dvi, que vem instalado quando você instalar o LATEX via MikTEX.
    • GostView: para visualizar arquivos .ps
    • Acrobat Reader: para visualizar arquivos .pdf. É o mais popular visualizador que se conhece.

 

Última atualização em Sáb, 06 de Outubro de 2012 08:05
 

Menu